segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Carne do sol com farofa de cenoura

Sábado é dia de feira, dia de encontrar feirantes cheios de histórias e sabedoria, receber sorrisos, além das lições de vida de pessoas simples e ainda dar boas risadas. Como eu gosto disso.
Aqui sempre tem carne do sol no almoço, com um feijãozinho verde, arroz branco, farofa e salada para acompanhar.
Ficou boa, muito boa.

Carne do sol
Dou uma fervida para tirar o sal e frito na manteiga de garrafa com cebola roxa numa frigideira de barro onde esfrego alho antes.


Farofa de cenoura:
Cebola picada, alho amassado, azeite e manteiga meio a meio e só um pouco porque gosto de farofa sequinha, deixo dourar, acrecento uma cenoura ralada, farinha de copioba e cheiro verde picadinho.


O feijão é o mesmo que tem aqui nos arquivos.

10 Comentários:

Blogger Naninha disse...

Também gosto disso, feira é muito gostoso, muito animado!
Sua carne ficou ótima e quanto a essa farofinha ela é mesmo uma delicia, eu sempre faço!
Beijos

segunda-feira, 20 outubro, 2008  
Blogger Neyma disse...

Ola Karla,
Ai...que maldade...eu AMO carne de sol! Essa esta simplesmente maravilhosa! Nunca comprei, nem nunca fiz...não parece dificil.
Parabéns pela receita! Esta farofinha tambem esta muito apetitosa!
Beijinhos

segunda-feira, 20 outubro, 2008  
Blogger Katharyna disse...

Deu água na boca!
Beijos.

segunda-feira, 20 outubro, 2008  
Blogger Joaninha disse...

Será que carne do sol é o que chamamos aqui de carne seca? =)

segunda-feira, 20 outubro, 2008  
Blogger Rata disse...

Hum!! Adoro Carne de sol, farofa, feira e feijão verde!
Que sábado gostoso Karlinha!

Beijos!

segunda-feira, 20 outubro, 2008  
Blogger Karla Maria disse...

Naninha,
amo o sábado e mais ainda porque é dia de feira livre.
Beijos

Neyma,
quando não encontro uma boa, de fornecedor bacana, eu mesma faço a minha. Um pedaço de carne (alcatra, contra filé, etc), sal a vontade e deixo dormir no varal, levando um "sereninho". Pra tirar o sal deixo de molho em um pouco de leite, lavo, afervento e pronto. Experimenta, vc vai gostar.
Beijos

Kath,
vem cá que eu faço pra você.
Bjs de saudade

Joaninha,
talvez a carne seca seja o que chamamos de charque, será? Na dúvida experimenta fazer a sua, é simples e fácil.
Beijos

E não é, Lu.
Amo sábado ou qualquer dia com esses ingredientes.
Beijos

segunda-feira, 20 outubro, 2008  
Blogger Márcia disse...

Karlinha, vc está "baianizada"! kkkkk
Aqui é carne DE sol, aí é DO sol, né?
Mas em qualquer sotaque, AAAMMMOOO essa delícia!
Beijos!

terça-feira, 21 outubro, 2008  
Blogger Karla Maria disse...

kkkkkkkkkkkk
Marcinha, a minha é de "sereno".
Beijo

terça-feira, 21 outubro, 2008  
Blogger Princesa Urbana disse...

Oi Karla!
Obrigada pelo recadinho!!!Conheci seu blog e adorei! Vou relaciona-lo no meu!
Bjosssss

terça-feira, 21 outubro, 2008  
Anonymous kaju disse...

Meu Deus o que é que faço agora heim?Lá fui eu inventar essa redução de estômago e como vou fazer com essas delicias de comidas.Acho que o melhor é ficar contando os dias ....até chegar a hora de provar tudo de novo...123 e por ai se vai...

domingo, 26 outubro, 2008  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial